Google permite denunciar conteúdo falso diretamente do buscador

Padrão

E os grandes meios continuam na luta contra a epidemia de notícias falsas, apresentando constantemente novos recursos para ajudar nessa árdua tarefa, embora a maioria deles dependa da colaboração dos leitores, já que até o momento nenhum sistema de inteligência artificial ainda é capaz de determinar se uma notícia é verdadeira ou falsa só lendo o conteúdo.

E vem do Google uma nova estratégia nesse sentido, com ajustes na forma em que funciona a sua famosa Busca. O objetivo é evitar que sejam mostrados conteúdos relacionados falsos, para isso implementaram melhorias técnicas na forma como funciona o ranking de busca e ferramentas para que os usuários possam dar seu feedback sobre o que estão lendo.

Vale saber que em cerca de 0,25 porcento dos casos, Google devolve informação falsa em seu buscador, e embora pareça uma porcentagem pequena, representa milhões de buscas diárias. O feedback, como mostra a imagem acima, ajuda o usuário a indicar ao Google se o conteúdo não é verdadeiro, embora não afete a posição no buscador, avisa aos moderadores para que os mesmos realizem as devidas mudanças.

Segundo o blog do Google (onde explicam em detalhes as mudanças realizadas) também implantaram sistemas que empurram conteúdos de baixa qualidade para baixo, embora não se saiba como funcionam internamente.

Estas mudanças também se aplicam às sugestões do Autocomplete, de forma que se colocarmos “quem pintou a Mona lisa” não aparecerá nenhum pintor diferente de Leonardo da Vinci no próprio campo de busca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *