Facebook at Work rede social para empresas

Padrão

Imagine se cada empresa conhecida tivesse seu próprio Facebook, uma rede social privada na qual empregados e diretores de diversos departamentos compartilhassem conteúdo, ideias, se comunicassem… isso é o que quer implantar Facebook, e já podemos saber os primeiros detalhes de Facebook at Work.

Segundo The information, a plataforma pode vir a competir com Slack na hora de facilitar a comunicação entre membros de uma mesma organização.

O modelo de negócio deste projeto do Facebook é simples: cobrar das empresas pela quantidade de usuários ativos, imitando o modelo de produtos como Convo, Salesforce Chatter ou Microsoft Yammer, embora possa oferecer muitas possibilidades na área da comunicação, com recursos para realizar chamadas e videoconferências, competindo tanto com Slack como com Skype.

Quem já está testando a plataforma (contando com uma boa base de dados de usuários de testes), poderá usá-la alguns meses de forma gratuita, porém, ainda não se sabe o preço final que cada empresa deverá pagar para solicitar acesso ao Facebook at Work. O que se sabe é que cada empresa terá um endereço do tipo empresa.facebook.com, um subdomínio que ajudará a ingressar em sua própria extranet “made by facebook”.

O fato da estética ser muito parecida com a do Facebook ajuda no processo de implantação, já que os empregados e diretores não terão que passar por complexas sessões de treinamento, embora a questão da privacidade dos dados poderá deixar para trás muitas empresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *