Microsoft Teams adiciona nova ferramenta para gerenciar projetos

Padrão

A Microsoft está reforçando a dinâmica do Teams integrando uma nova ferramenta. Embora seja um aplicativo independente, a Microsoft está levando um de seus recursos para os chats do Teams.

Graças a esta integração, as equipes terão facilitadas as trocas de dados, acompanhamento de projetos, planejamento e colaboração da equipe.

No mês passado, a Microsoft lançou o Loop, um aplicativo para colaboração e gerenciamento de projetos, como uma nova proposta para equipes de trabalho e organizações. Uma ferramenta que baseia a sua dinâmica em três elementos, que vão desde componentes (checklist, tabela, documentos, etc.), páginas até ambientes de trabalho.

Os componentes podem ser inseridos no Outlook e no OneNote, e agora também no Microsoft Teams:

Envie um componente, como uma tabela, lista de tarefas ou parágrafo, onde todos em seu bate-papo podem editar online e ver as alterações à medida que são feitas. Isso torna incrivelmente fácil compartilhar pensamentos, tomar decisões, coletar dados e acompanhar o progresso em conjunto e em seu fluxo de trabalho.

Os componentes que compartilhamos no chat podem ser atualizados a qualquer momento de forma colaborativa. Assim, o bate-papo do Microsoft Teams agora pode se tornar um único espaço, que não só permite que você compartilhe qualquer tipo de informação, mas também garanta que todos os membros da equipe tenham informações atualizadas.

Quando utilizamos os componentes oferecidos pelo Loop, podemos citar outros usuários para chamar sua atenção, ver quem interagiu com as informações e até mesmo usar um histórico de versão. Portanto, ao usar essa dinâmica, as equipes podem simplificar muitas das tarefas necessárias para o gerenciamento de projetos.

Por exemplo, se você deseja rastrear o status de um projeto, o líder da equipe pode usar o Loop para criar uma tabela colaborativa para cada membro completar quando terminar sua tarefa. Ou pode ser usado para tarefas mais rotineiras, por exemplo, sugerir tópicos para a próxima reunião de equipe. Em vez de trocar mensagens intermináveis ​​de bate-papo, você pode criar um documento ou mesa para que todos possam propor um tópico.

Essa nova dinâmica será integrada ao Microsoft Teams para clientes corporativos do Microsoft 365

Onedrive oferece novos recursos para edição de fotos na web

Padrão

A Microsoft está adicionando novos recursos de edição à versão Web do OneDrive.

Embora já tenha algumas ferramentas básicas, o editor foi aprimorado com novas opções e filtros para dar um toque pessoal às fotos. Uma nova dinâmica que evitará ter que recorrer a ferramentas de terceiros para editar as imagens salvas no OneDrive.

Entre as opções básicas de edição de fotos do OneDrive, podemos encontrar “Cortar”. Uma ferramenta que permite cortar qualquer imagem manualmente ou usar alguns dos formatos populares para que você possa enviar as fotos diretamente para as redes sociais.

Existe também a opção de “Rodar” as imagens para endireitar as fotografias ou brincar com a perspectiva. E, claro, você não pode perder as configurações que permitem configurar o brilho, a luz, o contraste, a exposição, a saturação, etc.

Mas se quiser evitar as configurações para dar às suas fotos um toque mais interessante ou criativo, pode ir diretamente para uma das novas opções: filtros. Você verá que existem mais de 10 filtros que pode experimentar e escolher para destacar mais suas imagens.

Por outro lado, outra das novidades que o editor de fotos OneDrive traz é a função “Marcação” que permite marcar na imagem todas as alterações que deseja fazer, como podemos ver na imagem acima. Portanto, antes de começar a editar, você pode marcar todas as áreas que deseja melhorar na imagem para que não sejam esquecidas na edição.

E não se esqueça que pode salvar todas as alterações como uma nova cópia da foto ou diretamente no original. E se você modificou o original por engano, não se preocupe, pois poderá usar o histórico de versões.

Um aplicativo para tratar Depressão e Ansiedade

Padrão

Volta e meia falamos por aqui de projetos que usam Inteligência Artificial para tratar problemas relacionados à depressão e ansiedade. Embora ainda seja muito cedo para ter psicólogos robôs, claro, porém, a tecnologia pode ajudar muito no diagnóstico e nas orientações a seguir para os tratamentos, já que é possível analisar muitos dados históricos em um tempo muito curto.

Várias iniciativas têm surgido neste setor, e há uma que é particularmente interessante, um aplicativo gratuito que pode ajudar muitas pessoas.

Se trata de VS beat Your Thoughts, um aplicativo criado por Daniela Sandoval, Camila Hernández, Andrea Medrano e Brenda Zúñiga, que visa ajudar pessoas com ansiedade e depressão, apoiando-as quando precisam.

Embora no momento esteja em fase beta, e não seja possível encontrá-lo publicamente na Google store, ele já foi apresentado no Tec de Monterrey, no México. Possui um guia avalizado por profissionais de saúde mental, e utiliza desde exercícios respiratórios até atividades de desenho, tudo com o objetivo de fazer parte do tratamento que uma pessoa com esses tipos de problemas necessita.

Um dos objetivos é eliminar parcialmente o estigma social sofrido pelo tema. A depressão é muito comum e a ansiedade afeta 1 em cada três jovens entre 13 e 29 anos em muitos países latino-americanos, portanto, não é algo “raro”, mas sim uma questão que deveria ser tratada de forma mais natural no dia a dia. Um aplicativo, gratuito e disponível para todos, sem dúvida, já pode ser uma boa forma de acordar e dar visibilidade para esse problema tão frequente.

Os alunos trabalharam com o projeto junto com seus professores, e vamos vê-lo em breve no Android e iOS. 

Como dividir despesas com o novo Facebook Messenger

Padrão

Entre as novidades hoje apresentadas para o Facebook Messenger, chama a atenção a nova função de divisão de despesas, que surge justamente no momento em que se inicia a época das festas, onde muitas pessoas vão organizar encontros presenciais que depois serão pagos por cada um dos participantes, ajudando a administrar o que cada um tem que pagar, e quem pagou versus quem não o fez.

Claro, é uma função que chegará na próxima semana apenas para usuários da plataforma de mensagens dos Estados Unidos em fase de testes. Não se esqueça que é nos Estados Unidos onde o Facebook Messenger está acima de seu popular irmão WhatsApp.

Um aspecto interessante é que será permitida a divisão em partes iguais, ou então estabelecer o valor que cada um deverá pagar caso sejam escolhidos valores diferentes. Os usuários podem iniciar a função pressionando o botão “Iniciar” em um chat em grupo ou na Central de Pagamentos do Messenger.

Será a partir deste ponto que poderá decidir pagar em partes iguais ou nos montantes diferentes que correspondem a cada uma, podendo incluir o próprio organizador ou não da própria aplicação.

O próximo passo será estabelecer a mensagem que chegará com o pedido aos demais participantes por meio do chat em grupo e confirmar os dados do Facebook Pay, plataforma de pagamento do Facebook.

A mensagem de solicitação aparecerá na própria conversa de grupo apropriada.

Além desta novidade útil, o Facebook Messenger lança novos efeitos de grupo de realidade aumentada para usar em chamadas de vídeo no Messenger e no Instagram e pertencentes a criadores de destaque.

Somado a isso está a recente aparição de um novo tema visual, dois novos soundmojis dedicados à próxima temporada de Stranger Things, bem como um novo soundmoji relacionado à nova música tema de Taylor Swift.

Mais informações: Messenger.

O novo design do Microsoft Office se estende a todos os usuários

Padrão

O novo design do Office já está começando a ser implementado para todos os usuários.

Com um estilo mais minimalista e cores suaves, o novo design integra-se melhor com a proposta do Windows. No momento, ter esta interface é opcional, então, você pode especificar se deseja implementá-la ou não.

Em junho, a Microsoft exibiu o novo design do Office. Um design que adota a interface Fluent Design e que permite consistência entre todos os aplicativos do pacote.

Com esta atualização, oferecemos uma interface de usuário intuitiva, consistente e familiar, utilizando os princípios do Fluent Design, em todas os seus aplicativos: Word, Excel, PowerPoint, OneNote, Outlook, Access, Project, Publisher e Visio. Alinhamos esta atualização visual com o design do Windows 11 para oferecer experiências perfeitas em seu PC.

E agora, este novo design do Microsoft Office saiu da versão beta e está sendo implementado para todos. Assim, os usuários descobrirão que o Excel, o Word e o PowerPoint atualizaram para esse design.

Revendo algumas características do novo design, encontramos um estilo mais minimalista. Como podemos ver na imagem, este novo design abandona as cores da versão anterior e opta pelo branco e cinza. Seguindo a mesma linha, esta nova versão mantém a barra de ferramentas de acesso rápido oculta para minimizar qualquer distração ou sobrecarga visual.

Este novo design já está sendo implementado para todos os usuários do Office 365 e Office 2021. Por enquanto, a alteração do design será opcional, então os usuários podem ativá-la ou não. Para fazer isso, basta pressionar o ícone do megafone para abrir o painel “Em breve” explicando todas as mudanças de design e mostrar o botão para ativar a nova interface.

Youtube tem novos controles para vídeos no iOS e Android

Padrão

YouTube está recebendo uma atualização interessante no iOS e Android, que tornará mais fácil a visualização de videoclipes, além dos controles de reprodução atuais.

No momento, não está disponível para todos os usuários, pois foi implementado apenas para contas premium.

Quando abrimos um vídeo no YouTube, encontramos os controles de reprodução. Porém, para realizar qualquer ação temos que clicar no vídeo para que apareçam estes controles e façam as alterações.

O YouTube quer melhorar essa experiência adicionando controles de escuta. Uma opção que você não verá a olho nu, mas que terá que ativar a partir de um painel oculto. Você terá que clicar no menu dos três pontos e selecionar “controles de escuta” para que sejam integrados à interface do aplicativo.

E não, eles não aparecem no vídeo, mas são mostrados na parte inferior do aplicativo quando você tem a tela vertical. E se você tiver a tela na horizontal, verá que os controles são exibidos no lado direito.

Quanto aos controles, você encontrará as opções para reproduzir, pausar, assistir ao vídeo anterior ou seguinte, voltar ou avançar 10 segundos. Além disso, você tem algumas opções adicionais, como curtir, salvar ou alterar a velocidade de reprodução do vídeo.

Um outro detalhe que notaremos ao ativar esses controles, é que todos os elementos desaparecem e apenas o vídeo e as opções oferecidas por este painel permanecem em cena. 

No momento, esses novos controles de escuta parecem estar disponíveis apenas para usuários com assinaturas premium. Lembre-se de que eles já têm vídeos baixados para assisti-los offline e a possibilidade de reproduzi-los em segundo plano, entre outras opções.

Resta saber se o YouTube decide estender esses novos controles a todos os usuários.

Microsoft Teams adicionará uma nova função para equipes remotas

Padrão

Se você faz parte de uma equipe internacional, terá interesse em conhecer a nova função que o Microsoft Teams possui, pois evitará problemas com seus colegas.

Além disso, esta nova função evitará que você tenha que recorrer a outras ferramentas na hora de delegar tarefas ou agendar uma reunião de equipe.

Microsoft Teams tem várias opções que facilitam o trabalho remoto com uma equipe. E em breve será adicionado um novo recurso que o impedirá de causar problemas para colegas que moram em outros países.

Conforme mencionado no roteiro da Microsoft, o Teams exibirá a hora local de cada membro da equipe. Desta forma, apenas consultando o arquivo do usuário você poderá saber a hora em seu fuso horário sem ter que consultar outros aplicativos.

Embora seja uma pequena atualização, ela evitará muitos mal-entendidos ou momentos embaraçosos com seus colegas de trabalho. E, claro, será uma ferramenta prática na hora de agendar uma reunião com toda a equipe, ou quando precisar delegar uma tarefa entre os membros disponíveis do grupo.

Este recurso está atualmente em desenvolvimento e está programado para ser lançado em janeiro de 2022. No entanto, não é o único recurso novo no Microsoft Teams. 

E vale lembrar que a Microsoft, também, lançou uma versão do Teams para pequenas e médias empresas. Uma proposta chamada Microsoft Teams Essential, e que tem uma série de características bem interessantes.

Paint para Windows 11, novo design e novas funções

Padrão

Desde que foi implementado no sistema operacional Windows, o Paint tornou-se um dos programas preferidos dos utilizadores, que aproveitaram esta ferramenta para dar os primeiros passos no mundo da criação e edição de imagens.

Com o surgimento de programas como Adobe Photoshop e outras ferramentas semelhantes, o Paint foi sendo substituído, embora sua presença continuasse fazendo parte do Windows por meio de suas diferentes atualizações, e com Windows 11 não foi diferente.

Agora, Paint sofreu uma alteração na sua interface, dando assim a este programa um toque mais moderno, bem como uma nova abordagem na utilização das ferramentas que disponibiliza.

É assim que o Paint chega ao Windows 11 com uma interface mais ajustada ao design desta nova versão do sistema operacional da Microsoft. Além disso, a nova versão do Paint apresenta uma melhoria na disposição das ferramentas que oferece, de forma que agora se parecem com as mostradas em outros programas como o Word.

Somado a isso, foram feitas alterações nos ícones e um novo seletor de forma foi incorporado, onde agora você pode ter uma visualização deles.

Além disso, você pode ter a oportunidade de personalizar a barra de título adicionando mais opções. Além disso, para usuários do programa Insider, o Paint inclui uma nova integração com os componentes da interface WinUI.

Após o conflito gerado há alguns anos devido ao anúncio feito pela Microsoft sobre a substituição do Paint pela versão 3D, a empresa mudou de ideia e optou por submeter o Paint usual a novas alterações para torná-lo mais moderno e prático.

Espera-se que a nova versão do Paint esteja disponível a partir de agora para usuários do Windows 11, bem como aqueles que fazem parte do programa Insider. Isso, levando em consideração que o Paint é atualizado automaticamente através da loja de aplicativos da Microsoft.

No entanto, as últimas adições feitas a este programa serão mostradas apenas para aqueles usuários que fazem parte do canal Dev em versões anteriores.

Para compartilhar facilmente o que encontrar na web

Padrão

Você está procurando um lugar na web onde possa compartilhar publicamente e de forma organizada todos os seus achados interessantes encontrados em toda a Internet? Se a resposta for sim, vale dar uma olhada em Favelent, uma nova plataforma que cumpre exatamente a premissa de que você pode expor publicamente seus livros, vídeos do YouTube, episódios de podcast e muito mais.

Diferente das plataformas de bookmarking social, Favelent permite organizar seus conteúdos favoritos encontrados em toda a Internet através de categorias e tags, expondo-os publicamente através de um simples site.

Seus dois criadores se inspiraram nas recomendações feitas por usuários que o seguem no Twitter, perguntando-se por que não havia um site onde as pessoas pudessem compartilhar suas descobertas na Internet.

Dois meses foram suficientes para colocar Favelent em funcionamento. Os interessados podem se cadastrar gratuitamente, por meio de um formulário simples, ou diretamente pelo Twitter .

Após os seguintes passos para completar o cadastro, onde podem, inclusive, compartilhar seus perfis sociais existentes em outras plataformas, basta publicar cada conteúdo interessante que encontrarem na web, associando-os às categorias disponíveis e vinculando-os a uma série de Tag.

Existe a possibilidade de os utilizadores também ativarem as suas próprias newsletters por email, para que os interessados ​​possam ser avisados ​​da chegada de novidades, alinhados com o boom de newsletters na web.

Seus criadores comentam que estão trabalhando para que logo chegue uma extensão de navegador para que seja mais rápida a adição de conteúdo, além da possibilidade de integração de subdomínios pessoais, bem como a possibilidade de que os criadores possam trazer “suas joias” para a plataforma .

O melhor de tudo é que é uma plataforma simples para o usuário usar, onde levará apenas mais tempo para compartilhar os links de seu conteúdo favorito manualmente, até que cheguem outras opções que permitam que o processo seja acelerado.

Cada um escolherá a melhor forma de agregar conteúdo, seja criação própria, compilação de material educativo, entre outras possibilidades. Muitas vezes, uma ideia tão simples é mais útil do que uma plataforma complexa.

Link: Favelent.

Google Meet tem novas opções para gerenciar reuniões no iOS

Padrão

Google Meet está adicionando novos recursos para hosts. Essas novas opções facilitarão o gerenciamento de reuniões e evitarão interrupções.

É uma dinâmica que já está disponível na versão web do Meet, mas que agora é estendida a todos os usuários com dispositivos iOS.

Conforme mencionado pela equipe do Google, Meet está adicionando opções para bloquear áudio e vídeo durante as reuniões. Uma dinâmica que já está disponível no Google Meet no computador.

Com essas novas opções, os hosts (ou usuários atribuídos por eles) poderão bloquear o áudio de determinados participantes para silenciá-los e evitar interrupções. Ou eles podem bloquear diretamente o vídeo para evitar que usem suas câmeras.

Para aplicar este bloqueio durante uma reunião, basta ir em “Pessoas” e procurar a opção “Controles do organizador”, e desmarcar “Ativar microfone” ou “Ativar vídeo”. Uma dinâmica simples e prática.

Obviamente, essa configuração não afeta os hosts ou co-hosts. Por outro lado, lembre-se de que, se esse bloqueio de áudio e vídeo for aplicado durante uma reunião do Google Meet, você poderá ser removido da videochamada se seu dispositivo não atender aos requisitos, conforme mencionado pela equipe do Google:

– A versão mais recente do aplicativo Meet ou Gmail
– versão M ou mais recente do Android
– versão 12 ou mais recente do iOS

Essas novas opções do Google Meet para iOS estão disponíveis para todos os clientes do Google Workspace, G Suite Basic e Business. Ainda não está disponível para dispositivos Android, mas a equipe do Google promete que trará esses recursos no início de 2022.